quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Quer viver um grande amor?

Uma das faces mais nobres do amor é a doação de si próprio ao amado. É mais importante dar do que receber, nos dirá São Francisco de Assis: “Fazei que eu procure mais amar que ser amado, pois é dando que se recebe” (cf. trecho da Oração de São Francisco de Assis).
Não só no amor romântico, aprenda a doar-se em todos os tipos de relacionamentos. Mas também em sua vocação ao amor esponsal será preciso ter em mente que um grande amor se faz de uma grande doação.
Uma pessoa madura afetivamente é aquela que aprendeu a se realizar mais pela doação de si do que pela necessidade de suprir seus impulsos, seus sentimentos e suas carências; contudo, estes últimos exemplos são os mais comuns. Na maioria das vezes, o tão desejado romance diz respeito mais à vontade de ser amado, reconhecido e preenchido do vazio da solidão do que de ir em direção ao coração do outro. Já a força de amar que existe em nós só será de felicidade se não nos reservarmos para nós mesmos. Jesus ensinou: “Serás feliz, porque eles não têm com que te retribuir” (cf. Lc 14, 14). 



Sandro Arquejada

 (Fonte - http://formacao.cancaonova.com/relacionamento/namoro/quer-viver-um-grande-amor/)


Deus abençoe!

Rádio Online- Âncora da Alma